• dom. jul 14th, 2024

Portal Ronda Geral AM

Notícias em tempo real!

Senador Omar defende suspensão de pagamentos de empréstimos para afetados em calamidade no Rio Grande do Sul

ByPor Redação

jun 4, 2024

O parlamentar se solidarizou com as famílias gaúchas e diz que o Congresso precisa fazer sua parte pelos afetados

O senador Omar Aziz (PSD-AM) votou favorável ao Projeto de Lei n° 1815/2024, que propõe a suspensão, por 180 dias, do desconto das parcelas de créditos consignados em benefícios previdenciários de aposentados e pensionistas afetados pelo estado de calamidade pública, devido às fortes chuvas no Rio Grande do Sul. A situação de calamidade já contabiliza mais de 600 mil pessoas desabrigadas.

Durante a discussão na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado, o parlamentar ressaltou a difícil situação vivida pelos aposentados e pensionistas gaúchos, destacando que o Estado detém o maior percentual desses beneficiários no Brasil, com cerca de 20% da população sendo composta por essa parcela.

O senador enfatizou a importância de apoiar essas pessoas diante das perdas e dificuldades enfrentadas com as fortes chuvas, citando sua própria experiência em uma região que também sofre com desastres naturais. Além disso, destacou a atuação do Governo Federal no auxílio ao Estado e ressaltou a importância do Congresso Nacional em aprovar medidas como o projeto de lei em questão.

“A gente passa uma vida toda para construir uma casa e às vezes em minutos você perde tudo. Imagine o sofrimento dessas pessoas ali. Vindo de uma região que sofre com cheias e com secas, a gente imagina a situação pela qual hoje os gaúchos estão passando. Por isso que eu voto a favor do projeto. Eu vejo o Governo Federal, através do Presidente Lula, muito preocupado e eu acho que o Senado Federal e o Congresso Nacional têm que fazer a parte deles. E esse projeto de lei significa que o Congresso está fazendo a sua parte”, reforçou Omar.

Foto: Ariel Costa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *